Trecho da pista de caminhada da Represa 1 será interditado a partir de segunda (17) para obras da Sanebavi

Limpeza das caixas e bordas vai permitir armazenar mais de 10 milhões de litros de água na Represa 1
NOTA DE ESCLARECIMENTO

Isolamento é necessário para a segurança da população enquanto as máquinas estão trabalhando no local

A partir da próxima segunda-feira (17), parte da pista de caminhada da Represa 1 será interditada pela Sanebavi para a operação das máquinas que estão trabalhando na retirada da areia e limpeza do reservatório. A medida de segurança evita riscos de acidentes com pedestres e ciclistas que frequentam o local.

Nessa etapa, o isolamento será feito na área próximo às caixas de areia e no trecho do bebedouro até a passarela localizada na parte de trás do lago. Conforme o cronograma de execução dos serviços, os trechos vão sendo liberados e o fechamento ocorre em outros pontos ao redor da represa. Toda área com restrição de passagem de pedestres terá sinalização.

“O isolamento é necessário para conter a aproximação da população enquanto as obras estão em andamento. Pedestres e máquinas não podem dividir o mesmo espaço. São máquinas grandes e temos que zelar pela segurança de todos”, afirmou o diretor Operacional da Sanebavi, Dirceu Machado.

A limpeza das caixas de retenção de areia e bordas da Represa 1 vai aumentar a capacidade de reservação permitindo o armazenamento de mais 10 milhões de litros de água bruta. Cerca de 1,3 mil caminhões de areia, lodo e vegetação estão previstos para serem retirados do local, totalizando aproximadamente 10 mil metros cúbicos de detritos alojados próximos da margem da represa. A obra está prevista para ser concluída em 30 dias.