Vinhedo participa de encontro regional de perdas hídricas

Superintendente da Sanebavi acompanha obras de ampliação da ETE Capivari
15 de março de 2018
Prefeitura, Sanebavi, Câmara e Sindicato reúnem-se para nova rodada de negociações
15 de março de 2018

O município de Vinhedo marcou presença, através da autarquia Sanebavi, do 37º Encontro do Grupo Regional de Perdas Hídricas, promovido nesta quarta-feira, 8, em Campinas, pelo Consórcio Intermunicipal das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí (PCJ), onde foi anunciado o lançamento do Projeto Regional de dimensionamento de macromedidores para os 62 municípios consorciados. 

 

Até o final do ano, a entidade começará a elaborar um estudo para identificar as necessidades de cada município para combater o desperdício de água tratada. A expectativa é instalar 248 macromedidores de vazão nas cidades consorciadas.

 

“Essa ação é inovadora por envolver municípios com características tão diferentes. Combater as perdas hídricas é uma das alternativas  já que a região possui uma média de 37% de perdas no serviço abastecimento. O trabalho conjunto entre os municípios vai permitir a ampliação da oferta de água na Bacias do PCJ”, afirma o prefeito de Vinhedo e Vice-Presidente do Consórcio PCJ, Milton Serafim. 

 

Para reduzir esse índice e atingir a meta de redução para 25% em 2020 serão necessários R$ 1 bilhão em investimentos.

 

Preocupação que faz parte do dia a dia das ações adotadas pela Saneamento Básico Vinhedo (Sanebavi) para reduzir o índice de perdas.  Nos últimos anos Vinhedo vem investindo em equipamentos e tecnologia para evitar o desperdício de água tratada no município.

 

“Entre expansão e troca de rede, a Sanebavi instalou mais de 46 km de novas tubulações, substituiu 13 mil hidrômetros com mais de cinco anos de uso e intensificou o combate às fraudes. Ações que fizeram o índice de perdas aferido pelo Sistema Nacional de Informação para o Saneamento (SNIS), do Ministério das Cidades, cair de 47% em 2005, para 30% em 2012. Agora com o lançamento desse projeto regional encabeçado pelo Consórcio PCJ nosso trabalho vai ganhar um reforço para atingirmos a meta estipulada de 25% no índice de perdas”, afirma o Superintendente da Sanebavi, Odair Seraphim, o Canjica.

 

Trabalho que também vai ser intensificado nos próximos meses com a finalização da instalação de macromedidores  em todos os reservatórios da cidade.  26 macromedidores já estão funcionando em fase de testes para aferir a vazão de água para cada setor de abastecimento do município.

 

Serão dez macrozonas, divididas em 30 setores diferentes de abastecimento. Tudo interligado via rádio, ao sistema de informações da Sanebavi que terá um acompanhamento em tempo real do nível de cada reservatório da cidade.

 

Além de um controle maior sobre a distribuição da água, a Sanebavi também poderá estabelecer prioridades de investimentos e planejar ações para cada uma das regiões de Vinhedo.

 

 

Tamanho da fonte
Contraste