Substituição da rede adutora da ETA 1 entra na reta final

Superintendente da Sanebavi acompanha obras de ampliação da ETE Capivari
15 de março de 2018
Prefeitura, Sanebavi, Câmara e Sindicato reúnem-se para nova rodada de negociações
15 de março de 2018

Os trabalhos de substituição da rede adutora de água tratada entre a ETA 1, na Vila Planalto, e os reservatórios da Estrada da Boiada já estão na reta final.

 

Nesta terça-feira, 7, o Superintendente da Sanebavi, Odair Seraphim, o Canjica, acompanhou de perto as obras de substituição da rede que acontecem na parte de trás da estação de tratamento de água, a ETA 1.

 

“Agora falta muito pouco para concluir essa importante obra para o município. Já foram instalados 1,5 km da nova rede, de uma extensão total de 1.860 metros. Na última etapa, a rede adutora vai ser levada até os reservatórios do sistema da Boiada”, afirma Canjica.  

 

A substituição começou a ser feita na rua Moacir Delaqua, no bairro Pinheirinho, e passou pela na rua das Palmeiras, na Vila Gallo, região central de Vinhedo.

 

As duas redes existentes hoje, em cimento amianto de 250 e 200 mm, quem saem da ETA 1 para abastecer os reservatórios da Boiada, vão ser  substituídas por uma nova rede com tubos de ferro fundido de 400 mm.

 

“Essa nova rede vai fazer a mesma função que as duas redes existentes fazem hoje, mas com a vantagem de levar mais água para os reservatórios e sem riscos de rompimentos, que podem acontecer com a rede antiga em fibra cimento com mais de 30 anos de uso”, afirma o prefeito de Vinhedo, Milton Serafim.

 

A substituição da rede adutora faz parte da troca de rede de água iniciada em 2011, quando foram instalados mais de 46 km de novas tubulações para controlar o desperdício de água tratada em Vinhedo.

 

Desde que o programa de controle de perdas foi implantando no município o indicador reduziu de 47% em 2005, para 30% em 2012.

 

 

Tamanho da fonte
Contraste