Sanebavi se mobiliza em apoio à luta contra o Câncer de Mama

Sanebavi realiza entrega de certificado aos alunos dos cursos de Formação Inicial e Continuada

 

Para promover a conscientização da população sobre a necessidade da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama, neste mês de outubro acontece em todo o país a campanha Outubro Rosa. A Sanebavi, em apoio a este importante movimento, distribuiu o laço rosa para cada uma das servidoras utilizarem neste período. A autarquia também fixou uma faixa da campanha na área externa da sede administrativa e fará a entrega de uma camiseta com a frase “Eu apoio a Luta contra o Câncer de Mama” para todas as mulheres que trabalham no órgão público responsável pelo saneamento da cidade.  

  

“O objetivo da mobilização é para alertar todas as mulheres sobre a necessidade do autoexame, do fortalecimento das recomendações para um diagnóstico rápido e de participarem das atividades relacionadas a este tema para que fiquem bem informadas sobre este tipo de câncer, que é o mais comum entre  mulheres no mundo”, afirmou o superintendente Danilo Ferraz .

 

Ações em Vinhedo

 

Durante todo o mês de outubro, a Secretaria de Saúde terá programação para as mulheres nas unidades de saúde de Vinhedo. As usuárias com idade acima de 40 anos terão o exame de mamografia agendado na hora pelos enfermeiros das unidades caso não tenha sido feito nos últimos dois anos. Vale ressaltar ainda que a partir dos 50 anos o exame deve ser feito anualmente. Para as mulheres de risco, ou seja, as que apresentam histórico familiar de câncer de mama, o exame é indicado a partir dos 35 anos, a cada dois anos. Caso necessário, as vinhedenses também serão orientadas a realizar exames complementares para diagnóstico de câncer de mama.

 

        Confira toda a programação no site da Prefeitura: www.vinhedo.sp.gov.br

 

 

O Câncer

        

O câncer de mama é o tipo mais frequente em mulheres brasileiras. Se diagnosticado e tratado em fase inicial, as chances de cura chegam a 95%.

       

A herança genética, a obesidade, o álcool, o fumo e o número elevado de ciclos menstruais estão entre os principais fatores que estimulam o surgimento do câncer de mama.

  

 

Todas as mulheres, que se identificam ou não com qualquer fator de risco, devem seguir, a partir da adolescência, algumas recomendações, como fazer visitas anuais ao ginecologista, fazer o auto exame uma vez por mês e submeter-se ao exame de mamografia após os 40 anos. 

Tamanho da fonte
Contraste