Água de Vinhedo está 100% dentro dos padrões de qualidade

Extensão de rede de água no Parque Iolanda
15 de março de 2018
Sanebavi investe em frota para garantir mais agilidade nos serviços prestados
15 de março de 2018
 
Garantia de qualidade na água fornecida a população é o principal objetivo da Sanebavi (Saneamento Básico Vinhedo), autarquia responsável pelos serviços de água e esgoto no município. Por esta razão, os investimentos, novas obras e análises diárias da água tratada que é consumida pelos contribuintes são essenciais. Vinhedo é destaque em saneamento, e a qualidade da água tratada contribui para isso. As análises são realizadas diariamente e vem obtendo ótimos resultados, elas são feitas dentro dos padrões estabelecidos pela Portaria 2914/11 que revoga a 518/04, do Ministério da Saúde, a qual estipula o padrão de qualidade da água para o consumo humano.
De acordo com o superintendente da Sanebavi Odair Seraphim (Canjica), todos os dias são realizadas análises nos processos de tratamento na ETA I e na ETA II. “Além das análises feitas de hora em hora nas estações, existe também um controle paralelo do laboratório da autarquia. Ele é responsável por checar a qualidade da água tratada nos testes físico-químico e biológico. São cerca de 20 pontos diários de coleta e somente no laboratório aproximadamente 220 análises mensais”, disse Canjica.
Além do laboratório da Sanebavi todas as estações de tratamento possuem laboratórios internos que contribuem com as análises. A ETA I e a ETA II funcionam em regime contínuo com uma equipe de técnicos especializados. De acordo com assessor de saneamento Sérgio Antunes, por dia é produzido aproximadamente 20.000 m³ de água e para garantir um tratamento com qualidade a cada 15 dias é realizada a lavagem dos decantadores.
Além das análises de controle de qualidade, os investimentos no sistema também são essenciais para garantir melhorias. No ano de 2010 a Sanebavi investiu na substituição e manutenção de diversos equipamentos. “Na ETA II, que é responsável pelo abastecimento na região da Capela, fizemos a troca de material filtrante, substituição de registros, reforma nos filtros. No Jardim Florido, a automação do sistema de monitoramento de níveis que visa à redução de perdas. Também a limpeza realizada em todos os reservatórios do município e a aquisição do espectrofotômetro, que é um equipamento analítico de alta tecnologia usado nas análises de água. E as obras de troca de rede que beneficia 13 bairros e está em etapa final.”, conta Canjica.
Para o superintendente todas as obras e manutenções refletem diretamente na qualidade do produto fornecido. “A qualidade da água é indispensável e garantindo isso estamos garantindo também saúde a população”, disse Canjica.
Neste ano a Sanebavi apresenta novos investimentos no sistema de abastecimento no município:
 
Ampliação da ETA II Santa Cândida
A ETA Santa Cândida, é responsável pelo abastecimento da região da Capela, atualmente, a estação opera no limite máximo de tratamento, por esta razão, a ampliação se fez extremamente necessária. “Com esse investimento, que é com recursos próprios, poderemos tratar mais água e as situações emergenciais serão contornadas com mais facilidade”, disse Canjica.
 
Construção da ETA III
 
A nova Estação de Tratamento de Água – ETA III será construída nas dependências do Recalque São Joaquim, que se localiza no interior do Condomínio São Joaquim.
A estação será composta de uma captação de 200 l/s e dividida em dois módulos de 100 l/s cada. “O novo sistema pretende racionalizar a forma de captação, tratamento e distribuição de água tratada com o objetivo de desafogar as ETA’s existentes e funcionar com eficiência”, disse Canjica.
A obra beneficiará aproximadamente 30 mil habitantes, cerca de 7.500 famílias e está em processo de licitação.
 
Construção das Estações de Tratamento de Lodo I e II
 
As Estações de Tratamento de Lodo (ETL’s) serão construídas nas dependências das estações de tratamento de água: ETA I – Planalto e na ETA II – Santa Cândida. Elas serão responsáveis por tratar o lodo gerado no processo de tratamento de água, para que seja disposto de maneira adequada, contribuindo, para a preservação dos recursos hídricos. As obras na ETL I Planalto já iniciaram.
 
 
Tamanho da fonte
Contraste