Sanebavi recebe alunos do Ceprovi nas estações de tratamento

Prefeitura e Sanebavi assinam contrato do PAC e devem receber aproximadamente R$ 11 milhões
15 de março de 2018
Ligação de esgoto no novo Sesi
15 de março de 2018
 
No último sábado, dia 5, alunos do Ceprovi (Centro de Educação Profissional de Vinhedo) participaram da visita na Estação de Tratamento de Água I Planalto, localizada no bairro Planalto e na nova Estação de Tratamento de Esgoto Capivari, localizada no Distrito Industrial. Pela manhã foi realizada a visita dos alunos do curso técnico em segurança do trabalho, para a disciplina de Educação Ambiental, já no período da tarde, a oportunidade de conhecer o trabalho realizado pela Sanebavi (Saneamento Básico Vinhedo) foi das turmas de conclusão do curso técnico em química, para a disciplina química do meio ambiente.
Para o superintendente da autarquia Odair Seraphim (Canjica) as visitas são essenciais para a conscientização e valorização da importância do meio ambiente e do trabalho de saneamento desenvolvido no município de Vinhedo. “Através dessas visitas os alunos percebem a complexidade do trabalho que é desenvolvido diariamente pelos funcionários para garantir a qualidade do tratamento da água e do esgoto, além de outras informações e dados que são explicados durante as visitas”, conta Canjica.
De acordo com Henrique Ferreira tecnólogo em Saneamento Ambiental da Sanebavi que acompanhou as turmas as visitas foram extremamente produtivas. “O ser humano é consciente daquilo que ele conhece e é capaz de entender, por isso, proporcionar aos futuros profissionais o conhecimento sobre os processos envolvidos e os desafios do futuro gera mais consciência”, disse Ferreira.
Durante a visita na ETA I Planalto os estudantes puderam conhecer todos os processos de tratamento desde a chegada da água bruta, reserva e distribuição da água tratada, além, de todos os mananciais e reservatórios da cidade.
A ETE Capivari, inaugurada oficialmente em outubro, foi cenário para os interessados conhecerem o sistema de tratamento de esgoto. Essa estação é responsável pelo tratamento de 40% do esgoto coletado, a ETE Pinheirinho é responsável pelo tratamento de 60%.
Desde 2009 a autarquia recebe alunos e interessados em saber sobre o trabalho de saneamento. “O objetivo principal é proporcionar aos visitantes o entendimento e a informação de como são realizado os tratamentos tanto da água quanto do esgoto. Além, de despertar a sensibilização sobre a importância da água para o ser humano e o tratamento do esgoto. Nas visitas os alunos têm oportunidade de acompanhar todo o processo de tratamento e distribuição de água e depois no tratamento de esgoto acompanham todo o tratamento até ser lançada de volta para o Rio Capivari (ETE Capivari) ou no Rio Ribeirão Pinheiros (ETE Pinheirinho), explica Canjica.
Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) cerca de 2 milhões de pessoas morrem anualmente no mundo devido a doenças ocasionadas pela falta de Saneamento Básico, desses 70% são crianças. Cerca de 1bilhão de pessoas não tem acesso a quantidade mínima de água potável para atender suas necessidades básicas diariamente. “Esses dados são alarmantes e mostram a necessidade imediata de conscientização da população sobre o uso desse precioso e escasso recurso natural”, aponta Canjica.
Todas as visitas são acompanhas por técnicos especializados que zelam pela segurança e estão dispostos a explicar e tirar as dúvidas.  
 
Tamanho da fonte
Contraste