Prefeito Jaime Cruz participa de reunião do Consórcio PCJ

Sanebavi prossegue com os ajustes finais na terceira estação de tratamento de água de Vinhedo
15 de março de 2018
Obras de finalização da ETA 3 seguem em andamento no São Joaquim
15 de março de 2018

 

O prefeito Jaime Cruz, acompanhado do Superintendente da Sanebavi, Odair Seraphim, o Canjica, participou na ultima sexta-feira, dia 20, em Indaiatuba, da 49º Reunião Ordinária do Consórcio PCJ (Consórcio Intermunicipal Bacias dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí) que discutiu assuntos importantes sobre a situação da água para a região.

 

Entre os assuntos abordados, destaque para o posicionamento da entidade sobre o inicio das discussões da renovação da outorga do Sistema Cantareira, prevista para ser retomada ainda no primeiro semestre deste ano pela Agência Nacional de Águas (ANA). A construção dos reservatórios de Pedreira e Amparo, que deve beneficiar toda a região também teve o seu cronograma de obras discutido após o Departamento de Água e Energia Elétrica (DAEE) ter enviado informações ao Consórcio.

 

“Esses assuntos são muito importantes para o futuro de Vinhedo já que estamos buscando alternativas para obtermos uma outorga maior para captação de água. Já encaminhamos ao Governo do Estado, uma solicitação de autorização para que possamos captar água no rio Atibaia, assim que essas ações resultem em um volume maior de água nas bacias do PCJ”, explica o Prefeito de Vinhedo, Jaime Cruz.

 

Na última semana, o Superintendente da Sanebavi, Odair Seraphim, se reuniu com o Secretário Executivo do Consórcio PCJ, Francisco Lahoz, para solicitar o apoio da entidade na realização de projetos para o município. 

 

Entre os assuntos abordados durante o encontro, foi discutido o desassoreamento das represas, o projeto de construção da represa 5 na área da Fazenda Cachoeira e da represa 4 como consta no Plano Diretor do município, além da construção de duas novas barragens na região da Capela. Ainda, foi solicitada a ajuda do Consórcio PCJ junto aos órgãos ambientais CETESB e DAEE para que se realizem ações para diminuir a poluição do rio Capivari e reflorestar as margens nascentes do rio para que aumente a oferta de água para o município.

 

A Sanebavi, inclusive, já havia enviado, em 2013, ofício ao DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) solicitando apoio técnico para definir alternativas viáveis de captação superficial/subterrânea para atender as vazões futuras.

 

“Estamos trabalhando com planejamento para garantir água em quantidade e qualidade para o futuro de Vinhedo. E para isso, temos que começar a trabalhar desde já, não nos esquecendo do último levantamento divulgado pela ONU que estima que até 2050 o planeta vai perder 40% dos recursos hídricos, o que levaria a uma crise mundial. Isso é muito preocupante e nos obriga a trabalhar com seriedade para  tentarmos reverter essa situação”, afirma o Superintendente da Sanebavi, Odair Seraphim. 

 
Tamanho da fonte
Contraste