Investimentos realizados pela Sanebavi vão proporcionar o desenvolvimento de Vinhedo nos próximos anos

Montagem do domo de alumí­nio do novo reservatório de 2 milhões de litros
15 de março de 2018
Trabalhos de interligação entre os reservatórios da Estrada da Boiada
15 de março de 2018

Trabalhando com seriedade e planejamento, a Sanebavi (Saneamento Básico Vinhedo) conquistou marcas importantes em 2014 com os investimentos realizados em água e esgoto para garantir o desenvolvimento do município nos próximos anos.

 

Entre os investimentos realizados estão a construção da terceira estação de tratamento de água de Vinhedo que terá capacidade para tratar aproximadamente 720m³/h e que complementará o abastecimento para a Capela, a construção do novo reservatório para dois milhões de litros de água tratada na estrada da Boiada, a construção da estação elevatória de esgoto Marambaia, a ampliação da ETE Capivari, a construção das duas estações de tratamento de lodo na ETA 1 (Vila Planalto) e ETA 2 (Santa Cândida), a implantação da rede subadutora de água para abastecer a Capela a partir dos reservatórios do sistema da Boiada e a instalação de redutores de vazão nas torneiras de todas as creches e escolas municipais para controlar a quantidade de água utilizada dentro das unidades, visando a economia de água.

 

Em meio à crise hídrica que vem afetando o Estado de São Paulo, a Sanebavi não poupou esforços para manter o abastecimento à população mesmo como os mananciais atingindo níveis baixos. Campanhas de conscientização junto à população foram realizadas para reforçar a importância do uso correto da água e para complementar o déficit de água dos mananciais, lagoas particulares do município foram utilizadas como fonte alternativa para manter o abastecimento. 

 

“Mesmo com dificuldades nós sempre buscamos alternativas para não deixar faltar água no município. Com as ações desenvolvidas ao longo deste ano estamos conseguindo enfrentar esse momento difícil por falta de chuvas. E para proporcionarmos o crescimento de Vinhedo nos próximos anos vamos investir ainda mais”, afirma o Superintendente da Sanebavi, Odair Seraphim, o Canjica.   

 

Para 2015, outras obras importantes para a cidade serão iniciadas por causa dos convênios já assinados junto aos Governos Federal (PAC 2) e Estadual (FEHIDRO) que repassarão cerca de R$ 30 milhões. 

 

Esse recurso será utilizado na implantados 19 km de rede coletora de esgoto doméstico do Distrito Industrial, na construção de estações elevatórias e emissários de esgoto para os bairros Altos do Morumbi, Colinas de São Diego, Vila Fontaine e São Joaquim, além da ampliação da estação de tratamento de água do Jardim Santa Cândida (ETA 2) que aumentará a capacidade de tratamento da estação para 300 m³/h e da expansão da rede de distribuição para o Distrito Industrial que será abastecido pela ETA 3 em construção no São Joaquim.  Também será feito a adequação da rede de água na Nova Vinhedo e a implantação do serviço de pesquisa e detecção de vazamentos não visíveis em todo o município. 

 

A adequação da rede de água na Nova Vinhedo prevê a substituição da rede em cimento amianto para tubos de PVC e de ferro fundido em uma extensão de 6.174 metros, diminuindo as perdas de água tratada ocasionados por vazamentos e melhorando a distribuição de água para a população. Neste projeto também está contemplado a reforma do reservatório de 800 mil litros da Nova Vinhedo. Depois que toda a rede for substituída, ele será esvaziado para ser reformado e impermeabilizado. 

 

“Estamos investindo no futuro de Vinhedo, combatendo as perdas físicas de água, aumentando a capacidade de tratamento e reservação de água e de tratamento de esgoto expandindo as nossas redes até atingirmos a universalização do sistema. Com isso, tornaremos o município ainda mais atrativo para a vinda de grandes empresas que irão contribuir para a geração de emprego e renda para a população Vinhedense” afirma o Prefeito de Vinhedo, Jaime Cruz. 

 

No inicio de 2015 a Sanebavi também irá realizar cinco audiências publicas nos bairros beneficiados com obras de abastecimento de água e esgotamento sanitário que fazem parte dos projetos na faixa de R$ 27 milhões, com contrapartida de 15% do município, liberados pela Caixa Econômica Federal por meio do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento)

 

Nesse locais, será desenvolvido um trabalho socioambiental  para que todos sejam informados dos impactos e benefícios das obras. Nos encontros, a população também terá espaço para apontar as demandas da região para que trabalhos sociais possam ser realizados para ajudar no desenvolvimento desses moradores.

 

Audiências Públicas

 

As audiências públicas serão realizadas em janeiro de 2015 em cinco datas diferentes, de acordo com a região. Caso o morador perca o dia da audiência da sua região, poderá escolher qualquer outra data para participar. Abaixo, os locais, datas e horários das audiências.

 

Moradores da região: Santa Claudina (Vila Fontaine) e Três Irmãos

C.E.I. MONTEIRO LOBATO – 06 de janeiro às 19h

 

Moradores da região: Colinas de San Diego (Buracão) e São Joaquim

PARQUE MUNICIPAL JAYME FERRAGUT – 08 de janeiro às 19h

(Salão de vidro – abaixo das piscinas) 

 

Moradores da região: Altos do Morumbi e Capela

CIC EDUARDO VON ZUBEN – 13 de janeiro às 19h

 

Moradores da região: Capela e Santa Cândida 

E. M. Prof. ANDRÉ FRANCO MONTORO – 15 de janeiro às 19h

 

Moradores da região: Capela e Santa Cândida 

E. M. Prof. ANDRÉ FRANCO MONTORO – 17 de janeiro às 13h30 

 

Tamanho da fonte
Contraste