͍ndice de perdas de água em Vinhedo registra menor valor em agosto

Audiência Pública discute Plano Municipal de Saneamento Básico
15 de março de 2018
Prosseguem as obras de construção da ETA 3
15 de março de 2018

Vinhedo alcançou no mês de agosto a marca de 26% no índice de perdas de água tratada, o menor valor registrado pelo município desde que o combate ao desperdício começou a ser acompanhado na cidade.

Marca histórica que reflete os investimentos realizados pela Sanebavi (Saneamento Básico Vinhedo) nos últimos anos em equipamentos e tecnologia para preservar o recurso hídrico e que colocam o município próximo à meta de 25% estipulada pelo Comitê PCJ (Comitês das Bacias Hidrográficas dos Rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí) aos municípios consorciados até o ano de 2020.

Só nos últimos dois anos, entre expansão e troca de rede, a Sanebavi instalou 46 km de novas tubulações, substituiu 13 mil hidrômetros com mais de cinco anos de uso e intensificou o combate às fraudes. Ações que fizeram o índice de perdas aferido pelo Sistema Nacional de Informação para o Saneamento (SNIS), do Ministério das Cidades, cair ano após ano.

Em 2005, o índice de perdas era superior a 47% e agora em 2012, está em 31%, indicando que o município está no caminho certo para evitar o desperdício de água e próximo de atingir a meta estipulada pelo Comitê PCJ.

E as ações para evitar o desperdício da água tratada vão ser reforçadas em breve com a instalação de macromedidores e monitoramento de nível em todos os reservatórios da cidade.

A adoção desses sistemas vai possibilitar a divisão do município em setores de abastecimento, ajudando na identificação de problemas que provocam a perda de água, permitindo uma ação corretiva mais rápida.

 

Tamanho da fonte
Contraste