Novo laboratório na ETA 3 será responsável pelo controle da qualidade da água de Vinhedo

Por causa de uma intervenção da CPFL, bairro da Capela pode ficar sem água neste final de semana
11 de fevereiro de 2017
Sanebavi abre inscrições para 14 cursos gratuitos de formação inicial e continuada
15 de fevereiro de 2017

Dentro de poucos dias entra em operação o novo laboratório de análise de água da Sanebavi, instalado no espaço da Estação de Tratamento Capivari – ETA 3. Com aproximadamente 270 m² de área construída, a unidade vai substituir o atual laboratório localizado na Rua Amazonas e será responsável pelo monitoramento e controle da qualidade da água de todo o município.

 

A nova estrutura conta com dois laboratórios, sendo um para a realização de análises físico-químicas e outro para a microbiologia. Também possui uma sala de controle operacional do sistema de tratamento e abastecimento do município, sala de coordenadoria, refeitório, banheiros e vestiários.

 

“Optamos por centralizar os serviços de análises na nova estrutura construída na ETA 3. No local existe espaço físico para a instalação e operacionalização de todo setor de análises  por isso transferimos o laboratório da Planalto também para o novo prédio.  Além  da praticidade e da boa acomodação dos equipamentos e funcionários,  também deixaremos de gastar com o aluguel do antigo imóvel”, destaca o superintendente da Sanebavi, Danilo Ferraz.

 

A Sanebavi segue um rigoroso controle de qualidade que inclui coletas  e análises  diárias de amostras de água de diversas partes do sistema de abastecimento.  Nestas amostras são realizados ensaios analíticos  dos parâmetros Físico-Químicos e Biológicos, em cumprimento ao plano de amostragem estabelecido pela Portaria do Ministério da Saúde- MS2914/11, que asseguram a potabilidade e a qualidade do produto que é disponibilizado  para o consumo da população.  Para este trabalho, a Sanebavi conta com uma equipe técnica especializada, com técnicos, agentes de serviços gerais, uma química e uma bióloga. São utilizados métodos analíticos com validação reconhecida, equipamentos calibrados e adequados à atual demanda da cidade, além de reagentes e produtos com certificado.

 

Mensalmente são coletadas na malha de distribuição (redes de abastecimento) cerca de 270 amostras de água de diversos setores do município para avaliar a qualidade da água destinada ao consumo humano. Dentre os parâmetros analisados podem-se destacar: cor, odor, turbidez, ph, residual de cloro, ferro, manganês, além de análises microbiológicas. Cabe ressaltar que em todas as Estações de Tratamento de Água há laboratórios de processo nos quais são realizadas inúmeras análises em toda fase do processo de tratamento e na frequência determinada pela Portaria MS2914/11. Estes, por vez, têm atividades ininterruptas 24 horas/dia.

 

De acordo com o  Responsável Técnico, Sergio Antunes da Silva, por dia são produzidos aproximadamente 20.000 m³ de água e, visando garantir a e qualidade, é realizado o monitoramento analítico a cada hora e em diversas etapas do processo de tratamento, isto é, desde o recebimento da água oriunda dos mananciais até a obtenção do produto final, a água potável. O plano de amostragem é executado em atendimento à Legislação vigente. Ainda segundo o técnico, todos os poços que contribuem para o abastecimento público também recebem os devidos tratamentos e contemplam o monitoramento analítico.

 

“Além disso, todo trabalho desenvolvido pela Autarquia Sanebavi é fiscalizado pela ARES-PCJ – Agência Reguladora – e mensalmente este importante Órgão fiscalizador realiza ensaios analíticos comprobatórios  da qualidade da água destinado ao consumo humano”, afirma Sergio.

 

A água que abastece Vinhedo é captada nos mananciais Rio Capivari, Córrego Xoxó, Córrego Bom Jardim, Córrego  do Moinho e das represas. O município conta com três Estações de Tratamento de Água, a ETA 1 – Planalto, ETA 2 – Santa Cândida e a ETA 3 – Capivari. Além destas, 11 poços artesianos integram o sistema de abastecimento de água da cidade.

 

Tamanho da fonte
Contraste